• FiberX Distribuidora

Conheça o Wi-FI 6


Os anos vão passando e cada vez mais o número de dispositivos inteligentes conectados à internet cresce. Se num passado recente havia um aparelho fixo para acesso à internet via discagem, hoje, em uma casa de cinco pessoas, é fácil encontrar cinco smartphones usando a mesma rede Wi-Fi, isso sem considerar os computadores e outros dispositivos inteligentes. E, para dar suporte a toda essa crescente demanda, chegou uma nova tecnologia em redes wireless, o Wi-Fi 6.

O novo padrão de redes sem fio chegou oficialmente em 2020 com a proposta de suportar mais aparelhos conectados ao mesmo tempo sem perder a velocidade de navegação.


O que é Wi-Fi 6?

Antes de começar, o primeiro passo é definir o que de fato é o Wi-Fi 6.

Esse nome foi dado para a mais nova geração de conexões wireless, também conhecida como 802.11ax. A função é a mesma, conectar pessoas à internet sem a presença de cabos. Já o objetivo é fazer isso de forma muito mais rápida e eficiente do que a rede sem fio atual, conhecida por 802.11ac.


E quais são as vantagens do Wi-Fi 6?

Mais velocidade

Segundo a Huawei, o Wi-Fi 6 tem capacidade para entregar uma velocidade de navegação de até 9,6 Gbps. O que mostra um ganho expressivo quando comparado a atual geração que pode chegar a 3,5 Gbps. A tecnologia também opera nas faixas de 2,4Ghz e 5GHz, mas com o Wi-Fi 6E é um novo padrão que complementa o Wi-Fi 802.11ax, liberando também as faixas de frequência de 6 GHz.

Outro ponto importante é que estes 9,6 Gbps não precisam ser destinados apenas a um dispositivo, mas sim ser dividido para toda a rede. Desta forma é possível garantir que cada aparelho conectado à rede receba uma velocidade maior para navegação.


Mais conexões simultâneas

Como falamos no início, há um crescente número de dispositivos que se conectam à rede wireless. Computadores, celulares, tablets, consoles, televisores e outros aparelhos inteligentes, cada vez mais dispositivos estarão conectados a um único roteador.

E é neste momento que o Wi-Fi 6 mostra a que veio, gerenciando melhor múltiplas conexões, tornando seu uso mais eficiente tanto em locais públicos quanto redes domésticas e corporativas. Esta característica faz com que essa tecnologia se torne essencial para os dias de hoje.

A projeção é de que essas redes sejam capazes de suportar até oito dispositivos conectados simultaneamente sem que haja perda de velocidade em nenhum deles.

Na prática, isso significa que, enquanto alguém estiver fazendo algum streaming de vídeo 4K, outra pessoa pode fazer uma videochamada em fullHD e um terceiro pode usar o Xbox para jogar online, tudo ao mesmo tempo e com conexão estável em todos os aparelhos, mesmo que no ambiente ainda hajam outros dispositivos conectados a rede como assistentes de voz, sensores de temperatura, interruptores de luz e outros smart devices.


Mais potência, menos consumo

Outro ponto muito importante é que apesar de trazer novos recursos, o novo padrão não exige mais energia. Com o upgrade da tecnologia, o Wi-Fi 6 também foi pensado para consumir menos.

Desta forma, o consumo de bateria decorrente do uso de internet será reduzido quando seu smartphone equipado com a tecnologia se conectar a um roteador compatível. Isso é possível devido a um recurso que permite que os roteadores programem, de forma autônoma, horários de verificação de status dos dispositivos, o chamado Target Wake Time.


Mais segurança com WPA3

O Wi-Fi 6 também é mais seguro, uma vez que oferece suporte à criptografia WPA3. Quando um dispositivo se conecta à rede, ele recebe do roteador uma chave única de criptografia a ser usada para resguardar as informações trocadas.

O WPA3 adiciona uma proteção extra ao handshake. A proposta é que haja mais segurança contra ataques de "força bruta”.


Onde encontrar o Wi-Fi 6?

O novo padrão ainda é bem recente e sua difusão ainda está acontecendo aos poucos, mas já é possível encontrar no mercado roteadores que suportam a tecnologia.

Conheça o Roteador Wireless Huawei AX3 e descubra a segurança e praticidade com longo alcance de sinal.

E aí, o que você achou do Wi-Fi 6? Já testou a tecnologia? Conta aqui pra gente nos comentários.