top of page

Tecnologia melhora conectividade e produtividade em centro universitário

Com novas soluções intuitivas, velozes e protegidas, Belas Artes ajuda professores e engaja alunos.

O uso da tecnologia nos negócios cresce a cada dia. A troca de dados por meio de uma conexão rápida, estável e segura tem sido o desejo das companhias dos mais variados portes e segmentos. E com a pandemia, essa necessidade se intensificou.

De acordo com a Sondagem Especial Indústria 4.0: Cinco Anos Depois, feita pela Confederação Nacional da Indústria (CNI), sete em cada dez empresas no Brasil tem interesse em usar tecnologias digitais em suas atividades para lidar com interrupções e evitar que isso se repita num futuro próximo. Na área educacional, a situação é parecida.

“Escolas e universidades podem utilizar ferramentas para ajudar professores a transmitirem o conhecimento com mais precisão, diversidade de recursos explicativos e compartilhamento instantâneo de dados. Para os alunos, as vantagens estão na rapidez de acesso aos conteúdos, na forma interativa, na aplicabilidade do aprendizado e no engajamento”, explica o gerente de empresas e governo da FiberX, Reinaldo Guerra.

Integração tecnológica


De olho nesses atrativos, o Centro Universitário Belas Artes de São Paulo saiu na frente e se diferenciou da concorrência.

“Nossa prioridade era deixar o campus Cidade Jardim mais tecnológico e ser uma referência para a educação. E conseguimos”, explica o diretor administrativo, Carmine Avena Junior.

Em parceria com a FiberX, foi criado um projeto exclusivo de conectividade para a filial paulista da instituição de ensino.

“Integramos telas inteligentes e interativas, com uma rede ultramoderna WiFi 6, à rede local de servidores, juntamente com o serviço de nuvem da Huawei. Assim, conectamos a melhor tecnologia do mundo com o melhor serviço e tivemos um grande sucesso”, conta Juelinton Silveira, diretor de Telecom e Produtos da FiberX.

Dessa forma, mesmo quando toda equipe de professores e alunos do campus utilizam simultaneamente a rede de internet sem fio, eles navegam em alta velocidade e sem interferências de sinal.

“Todas as áreas dessa unidade operam num ambiente de rede estável, protegido e veloz. Uma das vantagens da tecnologia de ponta é dar tranquilidade para que as tarefas sejam realizadas a qualquer momento, dentro da área coberta e sem contratempos”, enfatiza Guerra.


Adeus aos cabos


Nas salas de aulas, em palestras, workshops, reuniões presenciais ou virtuais, a Belas Artes também inovou e utiliza um equipamento de última geração que agrega simplicidade e objetividade. Chamado de Huawei IdeaHub, o aparelho é fácil de ser manuseado, dispensa cabos, vem recheado de soluções tecnológicas e inteligência artificial.

“Muito mais do que uma TV de grandes dimensões, esse dispositivo integra funcionalidades de telepresença, lousa interativa, videoconferência em nuvem sem auxílio de um hardware externo. Ao mesmo tempo, a tecnologia de transmissão sem fio de ultra definição permite que os usuários projetem o conteúdo de seus laptops e celulares direto numa única tela”, destaca Reinaldo Guerra.

Além dessas funcionalidades, o Huawei IdeaHub alterna automaticamente as visualizações de cada local - dependendo de quem está falando – e ajusta sozinho o som ambiente dos 12 microfones embutidos para evitar que ecos e ruídos atrapalhem a comunicação. Dessa forma, mesmo que a conferência aconteça numa sala grande e com vários participantes, a qualidade acústica será semelhante à de uma reunião pessoal.

Outro diferencial do equipamento é que ele permite escritas na tela com reconhecimento inteligente de palavras, figuras e fluxogramas.


Segurança contra cibercriminosos


Outra solução que a FiberX criou para a Belas Artes foi a migração dos sites e portais para o sistema Huawei Cloud. Essa tecnologia permite armazenar em nuvem, através de diversas camadas de seguranças, arquivos e sistemas inteiros com alta disponibilidade e escalabilidade.

Por se tratar de um ambiente digital, a nuvem admite que a instituição de ensino mantenha os dados disponíveis e sincronizados em qualquer dispositivo; seja celular, notebook ou tablet. Assim, qualquer alteração ficará segura e visível num servidor.

Esse serviço ganhou nova camada de proteção contra os ataques cibernéticos, proporciona elevada segurança, alto desempenho e evita indisponibilidade de sistemas em dias de tráfego intenso, como acontece nas inscrições dos pré-vestibulares.

“A conectividade avançada, protegida e sem fio agrada os executivos brasileiros. Ao conhecer o funcionamento na prática, ver a compatibilidade com versões anteriores de sistemas existentes, os ganhos que isso traz e saber que apenas um intermediário resolverá todas as questões tecnológicas, o interesse torna-se cada vez maior. O que o empresário deseja é uma solução completa e que funcione de verdade, como essa que desenvolvemos para o Centro Universitário Belas Artes de São Paulo”, complementa o gerente de empresas e governo da FiberX.

Assista nosso case completo no vídeo abaixo:


Yorumlar


Veja mais conteúdos do blog da FiberX

bottom of page